MENU RÁPIDO


Selecione o produto para ver maiores informações.
Vidros:

VIDRO SERIGRAFADO NEW TEMPER


O QUE É VIDRO SERIGRAFADO?
No processo de fabricação do vidro serigrafado ou pintado a quente, a imagem que se deseja aplicar ao vidro é gravada em uma tela de poliéster e transferida para a peça de vidro, por meio de emissão luminosa. Esse processo lembra o de revelação fotográfica. A tinta que se aplica ao vidro é o esmalte cerâmico, também conhecido como esmalte vitrificável. O produto é uma combinação de frita (elemento vítreo) e pigmentos inorgânicos à base de óxidos, estabilizados em alta temperatura. Por se tratar de uma composição vítrea, o esmalte segue as propriedades do vidro. Após a aplicação do esmalte cerâmico, o float passa pela têmpera e é submetido a tratamento térmico. Depois de fundida a mais de 560 graus, a tinta adere à peça, resultando uma impressão com grande resistência a riscos e manchas de gordura. Portanto, o vidro float torna-se serigrafado e temperado, sendo mais resistente que o comum.
Alguns tipos de vidros refletivos podem ser serigrafados, desde que a metalização resista à têmpera, proporcionando ganhos em controle solar. Quando aplicados em situações que exijam segurança, como fachadas, coberturas, escadas e guarda-corpos, a norma indica que os serigrafados devem ser laminados.
BENEFÍCIOS DO VIDRO SERIGRAFADO
O serigrafado tem funções que vão além da decorativa, é um instrumento de segurança. A serigrafia é também utilizada para encobrir pontos de cola e peças internas de alguns produtos. As caracterísicas de transparência e translucidez, obtidas a partir de cores e desenhos aplicados, resultam em proteção de 0% a 100% de cobertura da superfície do vidro, constituindo opção de sombreamento em fachadas e coberturas.
APLICAÇÕES
• Com várias opções de cor e desenho, são infinitas as possibilidades para a criação e aplicação do serigrafado. Empregados com freqüência em produtos de linha branca, o vidro também é utilizado na indústria moveleira e construção civil (ambientes interiores e fachadas de edifícios).

Fonte: Abravidro